Reservas têm potencial económico

Algumas áreas de reserva natural poderão vir a ser concessionadas aos privados, tendo em vista a realização de atividades e potenciar a economia regional.

O anúncio foi feito pelo secretário regional do Ambiente e dos Recursos Naturais, o qual esteve esta manhã na baía d’ Abra, no sentido de assinalar a realização do “Open day – Rede Natura 2000 – Ponta de São Lourenço”.

“Este exemplo de hoje – o ‘Open day’ – é para se repetir e de preferência com carácter de permanência. O desafio é demonstrar que estes espaços têm também potencial económico. Por isso, o Governo Regional está a pensar e está em fase final de estruturação de, nomeadamente através de concursos públicos, fazer concessão de alguns destes espaços para atividades económicas criando, assim, riqueza e emprego e ao mesmo tempo valorizando a natureza”, transmitiu Manuel António Correia.

O governante acrescentou que “se conseguirmos criar um ciclo vicioso positivo, que passa pela boa conservação e pelo bom rendimento económico, vamos ficar todos a ganhar”.

No entanto, o secretário regional ressalvou que, independentemente da concessão, as reservas serão sempre geridas pelas entidades públicas.

Manuel António reforçou, ainda, que iniciativas como o “Open day – Rede Natura 2000 – Ponta de São Lourenço” valorizam o ambiente e a economia, bem como proporcionam ao mesmo tempo o desenvolvimento local.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest