Ministério da Saúde vai investir 12 milhões para operar 2 mil obesos

O Ministério da Saúde quer reduzir as longas listas de espera para as cirurgias de obesidade, e vai investir 12 milhões de euros para possibilitar a operação de dois mil doentes em 2017. No primeiro semestre deste ano, havia 1.493 doentes em lista de espera, sendo que alguns podem esperar até dois anos pela cirurgia.

De acordo com informações do Portal do Serviço Nacional de Saúde, relativas a Abril, oito hospitais apresentam tempos de espera superiores aos 270 dias normais de tempo de espera. O de Évora é o caso mais grave, com 703 dias de espera. A ideia do Ministério é reduzir as listas e o tempo de espera.

O gabinete do ministro da Saúde explica que “está a ser estudado um programa de financiamento específico a integrar no contrato-programa a estabelecer com os hospitais do SNS em 2017, incentivando-se a resolução destes casos”. O programa deverá incluir cerca de 2.000 utentes e dele vão fazer parte os 18 centros hospitalares reconhecidos como centros especializados no tratamento da obesidade.

O Estado gasta 680 milhões por ano em doenças associadas à obesidade.

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger