Urina põe em risco a Igreja mais alta do mundo

A torre da igreja mais alta do mundo, situada na Alemanha, está a sofrer um processo de erosão na base por culpa é dos transeuntes que, depois de beberem demais, urinam no monumento. A erosão da base de pedra da torre atingiu uma gravidade tal que as autoridades da cidade de Ulm duplicaram as multas (até 100 euros) para quem for apanhado a urinar no exterior da Igreja de Ulm Minster.

Tenho vigiado [a zona em causa] por quase meio ano e, novamente, está tudo coberto de urina e vomitado”, lamentou Michael Hilbert, responsável de manutenção do edifício, desafiando os promotores de eventos a providenciarem casas de banho públicas nas alturas em que há múltiplos festivais agendados na [praça] Münsterplatz.

Comentando o assunto, uma porta-voz do poder local afirmou que será difícil encontrar uma solução a longo prazo.

A cidade cumpre muito bem na hora de encontrar esforços para lidar com o problema, mas as multas acrescidas e as patrulhas policiais não fizeram nada para resolver a questão de uma vez por todas”, salientou.

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger