Microsoft reconhece falha de segurança no Windows

A Microsoft anunciou ontem que um grupo de «hackers» aproveitou de falhas de segurança do Windows e do Adobe Flash Player para roubar dados de utilizadores dos Estados Unidos. Segundo a empresa, será lançada uma actualização de segurança capaz de contornar o problema no dia 8 de Novembro.

De acordo com a Microsoft, os «hackers» usam uma técnica conhecida como “spear phishing”, na qual invadem a conta de e-mail de uma vítima e usam-na para executar um ataque de «phishing» em outra vítima. Esse ataque geralmente consiste no envio de um e-mail com link malicioso – como o remetente do e-mail é conhecido da segunda vítima, ela acaba clicando no link, comprometendo sua segurança.

Conforme aponta a Reuters, esta falha de segurança estará ligada também à divulgação de informações das campanhas presidenciais dos Estados Unidos. A Microsoft, no entanto, não esclareceu se a vulnerabilidade tinha sido usada para transmitir informações políticas das eleições.

Pin It on Pinterest