Centeno defende alívio da dívida grega

O ministro das Finanças defende, em entrevista ao jornal alemão Bild, que a União Europeia deve “começar a discussão” do alívio da dívida grega.

Na perspectiva do governante português, a união monetária é actualmente capaz de responder à “maioria dos problemas por conta própria”, ou seja, sem a participação do Fundo Monetário Internacional.
O ministro alemão das Finanças, pelo contrário,
tem colocado repetidamente de parte qualquer via de alívio da dívida do Estado Helénico, pelo menos até 2018. Wolfgang Schäuble considera que seria uma opção castradora de novas reformas a impor a Atenas.

Pin It on Pinterest