Ponta do Garajau eleita geossítio do mês

A Ponta do Garajau foi eleita pelo sítio da Geodiversidade, da Secretaria Regional do Ambiente e Recursos Naturais, o geossítio do mês. O geossítio é um lugar de interesse particular para o estudo da geologia, geralmente com características notáveis do ponto de vista científico, didático ou turístico, considerado, por estas razões, um sítio geológico.

Trata-se de um local que comporta grande diversidade geológica, de valor científico elevado, da qual se destaca o cone surtseiano do Garajau. Trata-se de um cone de tufos (tuff cone) formado por depósitos de cinzas e blocos (de cor amarelada) associados à actividade hidrovulcânica, que alternam com depósitos de lapilli e bombas (de cor negra a avermelhada) associados a fases de actividade subaérea estromboliana.

O cone foi edificado sobre uma arriba litoral previamente talhada numa sucessão de derrames basálticos da Formação do Funchal (Complexo Vulcânico Superior – CVS 2). No local observam-se, ainda, dois filões que terão alimentado as fases mais tardias da erupção.

Mais informações poderão ser consultadas no site da Geodiversidade da Madeira, através do seguinte endereço: http://geodiversidade.madeira.gov.pt/pt/geossitios

Pin It on Pinterest