SRIAS celebra contratos com 10 famílias

A Secretaria Regional da Inclusão e Assuntos Sociais, através da Investimentos Habitacionais da Madeira (IHM), celebrou contratos-programa, ao abrigo do Programa de Recuperação de Imóveis Degradados – PRID, com dez famílias da Região, cujas habitações foram destruídas pelos incêndios de agosto de 2016. As verbas contratualizadas a fundo perdido e asseguradas pelo Orçamento da Região e por doações à IHM permitem recuperar dez habitações totalmente destruídas pelas chamas.

À margem da cerimónia, a Secretária Regional da Inclusão e Assuntos Sociais recordou o empenho do executivo madeirense em prosseguir e assegurar o efetivamente importante – o realojamento das famílias e a reconstrução de habitações -, não deixando, no entanto, de sinalizar o apoio, à data, inexistente da República no que respeita à recuperação de habitações.

“Relembro que, no âmbito da recuperação, temos já 151 habitações intervencionadas, sendo que 133 se encontram totalmente recuperadas”, indicou a governante.

Instada pelos jornalistas, Rubina Leal assegurou não existir explicação de Lisboa, não obstante o acordo entre Governos. Acresce, com base no mesmo processo, a Região ter já recebido a primeira tranche das verbas do Fundo de Solidariedade da União Europeia.

A Secretária Regional estranha a transferência de milhões de euros de Lisboa para entidades na Região destinadas a intervir no espaço público, secundarizando as pessoas com habitação por reconstruir.  “O calendário político não pode afetar o bem-estar das famílias e das populações”, concluiu.

Pin It on Pinterest