Angola terá eleições gerais a 23 de Agosto

O Conselho da República de Angola deu hoje parecer favorável, por unanimidade, à proposta do Presidente angolano para convocar eleições gerais para 23 de Agosto. O anúncio consta de um comunicado final da reunião de Conselho da República, órgão consultivo do chefe de Estado, durante a qual os membros ouviram o parecer da Comissão Nacional Eleitoral (CNE) sobre as condições para a realização das eleições gerais de Angola, solicitado por José Eduardo dos Santos.

No seu parecer, a CNE considera que estão criadas condições humanas, técnicas, materiais, logísticas e financeiras para que o Presidente angolano, no quadro das suas competências constitucionais e legais possa convocar eleições gerais de 2017.

Segundo o comunicado da reunião de hoje, lido no Palácio Presidencial, em Luanda, pelo Procurador-Geral da República de Angola, João Maria de Sousa, o Conselho da República considerou que estão criadas todas as para a realização das eleições.

Nesse sentido, foi aprovado por unanimidade a proposta do chefe de Estado angolano para que as eleições gerais sejam convocadas para o dia 23 de Agosto, sendo esta data declarada tolerância de ponto em todo o país.

Pin It on Pinterest