Porto é a cidade do país com “mais amianto”

O presidente do Sindicato da Construção de Portugal, Albano Ribeiro, disse hoje que o Porto é a cidade do país com “mais amianto”, considerando “urgente” a criação de uma comissão para fazer o seu levantamento.

“O Porto tem muitos milhares de metros quadrados de amianto em avançado estado de degradação, situação que ameaça a saúde pública”, referiu à agência Lusa, no âmbito de uma exposição de fotografias alusivas a edifícios da cidade nesta situação, realizada frente à Câmara do Porto.

O sindicalista afirmou ser “urgente e fundamental” criar uma comissão que faça o levantamento dos “milhares de metros quadrados” de amianto existente em toda a cidade, estando o sindicato disponível para fazer parte dela.

“O amianto nas décadas de 60 e 70 foi a solução encontrada nessa época, mas na sociedade contemporânea não tem lugar para bem da saúde pública”, entendeu.

Contactado pela Lusa, o Gabinete de Comunicação da Câmara do Porto respondeu que a autarquia “é exemplo por ter realizado um estudo e um plano sobre a presença e irradiação de amianto em edifícios públicos, nomeadamente escolas e na habitação social, tendo em curso a sua substituição por outros materiais em todos os bairros sociais”. E que todos os casos que o estudo identificou como levantando alguma preocupação foram já totalmente resolvidos entre 2014 e 2015.

“O amianto ainda existente em alguns edifícios continuará a ser removido, cumprindo o plano de obras e reabilitação, mas o que existe nesta altura é estável e, segundo as medições e estudos realizados, não oferece qualquer risco para a saúde”, apontou a autarquia portuense. “A Câmara do Porto tem sido elogiada pelo que tem feito nesta matéria.”

Pin It on Pinterest