Protocolo de cooperação entre a Marinha e a Universidade de Lisboa otimiza recursos e valoriza o mar

«Congratulo-me com a assinatura deste protocolo que, com toda a certeza, muito contribuirá para o robustecimento dos laços que já existem entre estas duas instituições», afirmou o Ministro da Defesa Nacional, José Alberto Azeredo Lopes, referindo-se à Marinha e à Universidade de Lisboa.

Estas declarações foram feitas na assinatura de um protocolo de cooperação entre estas duas entidades que decorreu na sessão solene dos 700 anos da Marinha Portuguesa, na Escola Naval do Alfeite, em Almada.

«Esta relação rentabilizará os recursos próprios e especializados, tanto humanos como financeiros, das duas instituições, e garantirá uma gestão mais eficaz na prossecução daquilo que nos move sempre: o interesse público», acrescentou o Ministro.

José Alberto Azeredo Lopes disse que o acordo «também vai permitir uma partilha das melhores práticas destas duas instituições de referência em benefício da valorização económica da exploração do mar e dos oceanos, quer da economia mundial, quer do paradigma português de desenvolvimento».

«A sociedade civil teve sempre na Marinha um exemplo de superação dos desafios que o mar sempre nos colocou», afirmou ainda o Ministro, exortando as gerações mais jovens, «que agora iniciam a sua vivência naval, a contribuírem para o sucesso da instituição».

José Alberto Azeredo Lopes concluiu, realçando que «o protocolo assinado celebra as dimensões em que a Marinha sempre foi forte: a promover o conhecimento, a reforçar a capacidade e a excelência».

Fonte: http://www.portugal.gov.pt/pt/ministerios/mdn/noticias/20170608-mdn-marinha.aspx

Pin It on Pinterest