Cristiano Ronaldo diz que “nunca” ocultou rendimentos

Cristiano Ronaldo foi ouvido esta segunda-feira no tribunal Pozuelo de Alarcón, nos arredores de Madrid e disse que “nunca” ocultou rendimentos nem teve “intenção de fugir aos impostos”. Em comunicado, o jogador de futebol do Real Madrid sublinhou que o fisco conhece todos os seus rendimentos porque nunca escondeu nada.

“Faço sempre as minhas declarações de impostos de maneira voluntária, porque penso que todos temos de declarar e pagar impostos de acordo com os nossos rendimentos”, assinalou.

No mesmo documento, o português pede que se “deixe trabalhar a justiça”, na qual acredita e de quem espera “uma decisão justa”, dizendo ainda que não vai voltar a fazer declarações sobre o assunto até ser proferida uma sentença.

Perante a juíza Mónica Gómez, Ronaldo assegurou que nunca teve “intenção de fugir aos impostos”, acrescentando ainda que nunca teve problemas tributários nos outros países onde viveu.

O português esclareceu ainda que a cedência de direitos de imagem a uma empresa de sua propriedade já vinha de 2004, e não quando mudou a residência para Espanha, em 2010.

“Quando assinei pelo Real Madrid, não criei uma estrutura especial para gerir os meus direitos de imagem, tendo mantido a que o fazia em Inglaterra. (…) Era uma estrutura usual em Inglaterra, foi autorizada pelo fisco britânico e ratificada como legal e legítima”, acrescentou Ronaldo.

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger