Mais Porto Santo reuniu-se com Associação de Bombeiros

O movimento cívico Mais Porto Santo esteve reunido com a direcção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Porto Santo na quarta-feira, a quem reiterou que, caso vença as eleições autárquicas de 1 de Outubro, irá passar os Voluntários à categoria de Municipais, uma boa medida, considerou a organização.

Na ocasião, os bombeiros revelaram a actual realidade da cooperação, informando que não recebem há sete meses os serviços extraordinários, que por vezes é necessário fechar o quartel por falta de operacionais e que precisam de angariar outro tipo de receitas que permitam fazer face às despesas.

José António Castro, cabeça-de- lista do Mais Porto Santo comprometeu-se em solucionar os problemas, sublinhando que “é preciso reconhecer de uma vez por todas o valor dos bombeiros do Porto Santo e conceder-lhe contrapartidas para as situações de risco que diariamente se colocam”.

“Não podemos ter bombeiros sem receber aquilo a que têm direito desde Dezembro do ano passado. Por isso garantimos que vamos passar os voluntários à categoria de municipais, criando mais postos de trabalho, proporcionando-lhes, também, estabilidade financeira. É determinante que o bombeiro sinta que o município reconhece a generosidade e o trabalho dedicado que fazem. Portanto, faz todo o sentido, criar um conjunto de benefício para que estes homens possam desempenhar as suas funções com maior dignidade numa carreira profissional segura”, explicou José António Castro, que se fez acompanhar na visita de trabalho por vários elementos da lista candidata aos órgãos autárquicos do Porto Santo.

Pin It on Pinterest