Ophelia não deverá atingir Portugal

A passagem do furacão Ophelia não deverá atingir Portugal, mas os efeitos da sua passagem podem vir a ser sentidos em território continental, ainda que a possibilidade seja remota (5 a 10%). A região Minho e norte litoral pode ser atingida com precipitações de maior intensidade, tal como rajadas de vento típicas das tempestades tropicais, com rajadas iguais ou superiores a 65 quilómetros

Em declarações ao Observador, a meteorologista Vanda Costa disse que o Ophelia deverá perder intensidade depois do fim de semana e passar a depressão (perdendo as suas condições tropicais) à medida que se aproxime das águas frias do norte da Europa, ao chegar à Irlanda e à Grã-Bretanha.

No que toca ao arquipélago dos Açores, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê vento com rajadas na ordem dos 100 quilómetros/hora nas ilhas de Santa Maria e São Miguel. De acordo com o National Hurricane Center (NHC) – o centro americano que monitoriza estes fenómenos – o percurso do Ophelia prevê que este passe pela zona oriental do arquipélago açoriano e chegue à Irlanda e Grã-Bretanha na segunda e terça-feira.

 

Pin It on Pinterest