Strava pode estar a revelar informação militar sensível

A app Strava, uma aplicação de fitness que permite registar os percursos feitos pelos corredores, pode estar a revelar informação militar sensível e comprometer a segurança nacional de alguns países.

Em causa está informação relativa a bases militares, que pode estar a ser revelada devido à publicação dos percursos feita por militares quando utilizam aquela que se define como “a rede social para os atletas”.

Já terá sido publicada informação de corredores em bases norte-americanas na Síria e no Afeganistão, numa base britânica nas ilhas Malvinas, numa francesa no Níger e numa base russa na Síria, de acordo com um levantamento feito pela BBC.

A falha de segurança foi detectada por um estudante australiano, Nathan Ruser, que levantou as suas suspeitas no Twitter.

O Pentágono já garantiu estar a analisar a situação.

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger