Camionistas iniciaram protesto

Os camionistas iniciaram hoje um protesto que prevê a paralisação de circulação e marchas lentas para reclamar a regulamentação do sector e a indexação do preço dos transportes ao dos combustíveis.
“Se houvesse uma indexação obrigatória do preço dos combustíveis aos serviços de transporte, se houvesse uma tabela pela qual o sector dos transportes se regesse para andar a trabalhar, não era preciso nós estarmos aqui a discutir os preços dos combustíveis”, frisou Márcio Lopes, presidente da Associação Nacional das Transportadoras (ANTP), sublinhando que se essa indexação estivesse em vigor, quando o preço dos combustíveis subisse as transportadoras reflectiam a subida na facturação.
A ANTP afirma que o Governo não cumpriu o acordo alcançado em 2008. Há dez anos, um protesto idêntico levou à rutura de stocks nos supermercados e nas bombas de gasolina. A paralisação durou vários dias e provocou uma vítima mortal.

“Aquilo que aconteceu em 2008 foi uma mão cheia de nada e outra limpa. Assinou-se um caderno de reivindicativo que ficou fechado dentro de uma gaveta e nunca foi posto em prática”, sublinhou o mesmo responsável.

Pin It on Pinterest