Sindicato dos Motoristas pronuncia-se sobre “Cortes Salariais – Horários do Funchal”

O Sindicato Nacional dos Motoristas (SNM) veio, através de comunicado se pronunciar sobre “Cortes Salariais – Horários do Funchal”: «Os Horários do Funchal decidiram, de forma unilateral, proceder a cortes salariais aos seus Motoristas ao entender não pagar o Subsídio de Agente Único a que os seus Motoristas têm Direito e como está legalmente previsto. De todas as empresas do sector do Transportes Coletivo Rodoviário de Passageiros, os Horários do Funchal foi a única empresa a tomar uma decisão desta natureza sem qualquer conhecimento ou consulta prévia das Organizações Representativas de Trabalhadores (ORT’s).

O SNM tem vindo a promover contactos com a Administração dos Horários do Funchal no sentido de esta repor os montantes indevidamente retirados aos seus Motoristas.

O Sr. Presidente do Conselho de Administração dos Horários do Funchal, através da comunicação social, apelidou de “Família” todos os colaboradores dos HF.

Ora, salvo melhor opinião, numa família não se aplicam normas contrárias à sua vontade muito menos se impõem normas de forma menos clara e de surpresa.

Os Motoristas dos HF sentem-se injustiçados e desprezados quanto à sua importância e prestação durante este período infeliz que todos vivemos no momento. Sentem-se como se não tivessem qualquer importância e como não fossem os próprios, através da sua resiliência e sentido de responsabilidade, a darem todos os dias o seu melhor em prol da mobilidade de todos os Funchalenses.

Os Motoristas dos Horários do Funchal têm informado o SNM a uma só voz que não irão permitir que a Empresa lhes faça cortes salariais e que estão dispostos a agir em conformidade.

O SNM espera que tal não seja necessário pois, os Horários do Funchal como pessoa de bem que é, saberá honrar os compromissos que livremente assumiu e os quais se encontram devidamente publicados em JORAM, nomeadamente os termos do Acordo de Empresa que assinou com o SNM e o qual mereceu a melhor atenção do próprio Governo Regional, apelidado na altura como um feito histórico.

O SNM irá esperar serenamente pelos desenvolvimentos sobre esta matéria, e esperará não ser necessário pedir aos Motoristas que se manifestem sobre esta matéria».

Pin It on Pinterest