Quatro arguidos nos incidentes do Sporting – Arouca

O Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) instaurou processos de contraordenação aos incidentes ocorridos no final do Sporting-Arouca (3-0), no dia 6 de Novembro, que envolveu conflitos entre os presidentes dos dois clubes.

Em comunicado enviado à imprensa, o IPDJ informou que recebeu a participação elaborada pela PSP e decidiu agir nos termos da Lei n.º 39/2009, de 30 de Julho, que tem como ponto o “combate à violência, ao racismo, à xenofobia e à intolerância nos espectáculos desportivos”.

Foram constituídos quatro arguidos, embora o organismo não identifique os visados.

Pin It on Pinterest