Nova Escola de Bombeiros arranca este mês

A Câmara Municipal do Funchal ratificou, em Reunião de Vereação, um protocolo com a Câmara Municipal de Lisboa, que oficializa a cooperação entre os Bombeiros Sapadores do Funchal, ex-Bombeiros Municipais, e o Regimento de Sapadores Bombeiros da capital. O primeiro resultado prende-se diretamente com a nova Escola de Bombeiros do Funchal: os 24 profissionais que a Autarquia vai contratar este ano terão entre quatro a seis meses de formação específica junto dos Sapadores lisboetas, incluídos no ano de duração previsto para o curso.

De entre as várias decisões que poderia tomar para o plano curricular a adotar, Paulo Cafôfo considerou que “esta era a opção mais acertada, numa formação que se pretende de excelência a todos os níveis. O protocolo assegura o alojamento necessário à estadia dos nossos 24 novos bombeiros em Lisboa neste período, e a Autarquia assume as viagens, acreditando que a formação com os Sapadores da capital, uma das maiores e mais experimentadas corporações do país, será determinante no seu processo formativo.” O concurso para a contratação de novos bombeiros será aberto pela Autarquia até ao fim de janeiro (data a anunciar), seguindo-se o processo de escolha. A recruta dos 24 novos bombeiros começará até à Páscoa.

O edil reforça que “está em causa a segurança e o futuro do Funchal e que a Autarquia não vai olhar a meios para que a Nova Escola de Bombeiros seja uma referência para a Região e para o País. Esta cidade já tem a sorte de poder contar com homens bem preparados e com um carácter extraordinário, mas o nosso dever é criar as condições necessárias para uma qualificação profissional que lhes permita exercer as suas funções no pleno das suas capacidades.”

Podem candidatar-se rapazes e raparigas até aos 25 anos de idade, que tenham a escolaridade obrigatória. Estes serão depois sujeitos a testes físicos, avaliações psicológicas e provas de aptidão, dentro daquilo que é habitual neste nível de formação. Em 2018, serão, por sua vez, contratados mais 24 bombeiros, possibilitando, assim, uma renovação do quadro da corporação e um franco reforço em termos de idade. A última Recruta de Bombeiros da Câmara Municipal do Funchal decorreu em junho de 2001, há 16 anos atrás, o que ilustra bem o alcance desta questão. A CMF vai investir 1,4 milhões de euros na Proteção Civil em 2017.

Pin It on Pinterest