MOVE NOW cria ‘literacia do desporto’

O secretário regional de Educação, Jorge Carvalho, considerou a campanha MOVE NOW, apresentada na última quarta-feira, dia 1 de fevereiro, pela Associação da Madeira de Desporto para Todos (AMDpT), oportuna e muito importante para o aumento da quantidade e principalmente da qualidade da prática de atividade física desportiva.

Para além de pretender-se atingir mais pessoas, a parceria da AMDpT com a Direção Regional de Juventude e Desporto, Universidade da Madeira e Escola Superior de Enfermagem S. José de Cluny, permitirá a realização de um estudo profundo ao público-alvo desta campanha.

“A presença deste conjunto de parceiros vai ajudar-nos a perceber o perfil do praticante e isso permitir-nos-á intervir, tendo em conta que a prática de atividade física é importante, mas não de igual forma para todos. Só com o conhecimento específico da condição de cada um, podemos ter uma prescrição do exercício correta e adequada às limitações individuais. Daí a importância de termos dados objetivos sobre as capacidades e características daqueles que se dedicam a este tipo de prática de atividade física não federada”, explicou o Secretário Regional, sublinhando que “a existência de condicionalismos não é impeditiva dessa mesma prática”.

Jorge Carvalho recordou os benefícios inerentes à prática desportiva, nomeadamente numa melhor qualidade de vida.
“A esperança de vida é cada vez maior e é necessário que esse tempo tenha qualidade, mas isso resultará do estilo de vida que adotarmos no nosso percurso. A prática da atividade física surge como fator extremamente importante para essa mesma qualidade de vida», apontou o governante, defendendo a criação de uma «cultura de atividade física desportiva”.

“Não podemos esquecer que 30% das crianças em Portugal são consideradas obesas e 25% estão em vias de se tornarem como tal. É importante termos esta consciência porque a intervenção ao nível da prática do exercício físico não se resume apenas aos praticantes que procuram garantir qualidade de vida e longevidade. Temos de criar literacia do desporto e isso faz-se com iniciativas como esta em que, com diferentes parcerias, procuramos atuar de forma integral, percebendo toda a dinâmica do fenómeno”, concretizou Jorge Carvalho.

Pin It on Pinterest