Aneurisma tratado com sucesso no SESARAM

Um caso de aneurisma foi tratado com sucesso, no Serviço de Saúde da Região Autónoma da Madeira. Pela dimensão populacional da RAM estimam-se entre 20 a 25 casos por ano de rotura de aneurisma cerebral. Esta patologia é muito grave, colocando em risco a vida do doente e deve ser tratada em tempo útil, até ás 72h após o evento. Cerca de 60 a 65% são tratados pelo serviço de Neurocirurgia do SESARAM com intervenção cirúrgica e os restantes são  tratados pela Neurorradiologia de Intervenção.

Atualmente, os neurorradiologistas do SESARAM  recorrem à colaboração de médicos diferenciados e com maior casuística nesta técnica, pelo que neste contexto, o SESARAM fez deslocar de imediato, o neurorradiologista de intervenção, Ângelo Carneiro, para conjuntamente com os neurorradiologistas do serviço regional procederem à embolização do aneurisma.

A intervenção, que teve lugar recentemente, demorou cerca de 2h e foi muito sucedida, conforme afirmou a diretora clínica do Serviço de Saúde da Região, Regina Rodrigues. A resposta rápida e eficaz a esta emergência clínica envolve várias especialidades (Emergência Médica Pré-hospitalar, Medicina Interna, Neurologia, Neurocirurgia, Imagiologia, Radiologia de Intervenção, Anestesiologia, Medicina Intensiva. enfermeiros e técnicos) com diferenciação em Neurovascular.

O SESARAM está a ultimar um protocolo com o Hospital de Santo António para agilizar a colaboração na radiologia de intervenção.

Classificar este artigo

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

X

Pin It on Pinterest

X