Eduardo Jesus aponta que Rui Barreto “ficou sem argumentos” no debate sobre a operação portuária

Perante as declarações replicadas , na comunicação social, pelo líder do CDS-PP e candidato à Câmara Municipal do Funchal, relativas ao processo da ligação marítima entre a Região e o continente português, o Secretário Regional da Economia, Turismo e Cultura, Eduardo Jesus, esclarece o seguinte: «Passadas cerca de 48 horas, o líder do CDS-PP e candidato à Câmara Municipal do Funchal, ainda não ultrapassou o seu constrangimento por ter ficado sem argumentos, no recente debate sobre a operação portuária, promovido na Assembleia Legislativa Regional.

No referido debate, o Governo Regional anunciou a concretização de medidas às quais o CDS sempre se associava, ao longo dos últimos anos. Agora que se vislumbram avanços importantes e que se cumprem os compromissos assumidos com a população, eis que o CDS já muda de opinião, revelando, acima de tudo, imaturidade política, falta de bom senso e sentido de governação.

Compreende-se que, para o CDS-PP, tomar medidas é uma realidade estranha, preferindo manter a sua atuação na demagogia própria de uma Oposição desesperada, impreparada e incapaz.

O  Governo Regional não desiste dos seus compromissos e, mesmo com a recusa do cumprimento dos preceitos constitucionais, por parte do Governo da República, continua na luta para encontrar as melhores soluções que sirvam o interesse da população. A isto, chama-se responsabilidade, determinação e compromisso.

Ao contrário do CDS-PP, o Governo Regional não muda de estratégia ao sabor do vento nem altera os seus objetivos conforme lhe dá mais jeito nem, muito menos, renega os seus compromissos. Tanto mais que a estratégia é a mesma, a tática é que é outra e quem confunde uma coisa com a outra revela uma atroz ignorância, provando não estar à altura do debate do processo em apreço.».

 

Pin It on Pinterest