Gestão orçamental é a área com maior necessidade de formação financeira

A gestão orçamental é a área de conhecimento financeiro na qual os portugueses sentem uma maior necessidade de formação (21%). Segundo o estudo do Cetelem sobre a Literacia Financeira em Portugal, cerca de um em cada três consumidores nacionais (30%) afirmam sentir necessidade de formação financeira em várias áreas, um aumento em relação a 2016 (26%).

Após a gestão orçamental (21%), as áreas nas quais mais portugueses sentem necessidade de formação financeira são a poupança (18%) e o crédito (14%). Face ao ano anterior, existem mais consumidores a sentirem falta de formação nestas três matérias financeiras. Há, no entanto, menos portugueses a referirem ter necessidade de formação sobre produtos financeiros (11%, em relação a 15% no ano anterior).

No geral, 39% dos portugueses consideram que o seu nível de literacia financeira é “bom ou muito bom”, existindo 49% que o consideram “nem bom nem mau” e 8% que admitem ter um nível “mau ou muito mau”. Paralelamente, os portugueses percecionam o seu nível de literacia financeira acima do da sociedade: 32% acreditam que os seus pares têm um nível de literacia financeira “bom ou muito bom”.

Este estudo foi desenvolvido em colaboração com a Nielsen, tendo sido realizadas 500 entrevistas por telefone, a indivíduos de Portugal continental e ilhas, de ambos os sexos, com idades compreendidas entre os 18 e os 65 anos, entre os dias 13 e 18 de fevereiro de 2017. O erro máximo é de +4.4 para um intervalo de confiança de 95%.

Pin It on Pinterest