NATO quer “resposta mundial” contra a Coreia do Norte

O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, pediu hoje “uma resposta mundial” contra a Coreia do Norte na sequência do novo disparo de um míssil balístico que qualificou de “imprudente violação das resoluções da ONU”.
“O disparo do míssil da Coreia do Norte é uma nova violação das resoluções das Nações Unidas” que impedem a Coreia do Norte de aperfeiçoar armamento, escreveu Stoltenberg numa mensagem difundida pela rede social Twitter.

O secretário-geral da Aliança Atlântica acrescenta que se trata de uma “grande ameaça à paz e à segurança internacional que exige uma resposta mundial”.

A Coreia do Norte lançou hoje um míssil que sobrevoou o norte do Japão. O míssil sobrevoou a ilha de Hokkaido pelas 7h00 (23h00 de quinta-feira em Lisboa), indicaram as autoridades japonesas.

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger