Colapso mata em instalações nucleares da Coreia do Norte

O colapso de um túnel das instalações nucleares da região norte-coreana de Punggye-ri, ocorrido após a sexta e maior explosão nuclear de teste levada a cabo pelo regime de Pyongyang, pode ter sido responsável pela morte de mais de 200 pessoas em Setembro.

Cerca de 100 trabalhadores das instalações nucleares terão morrido no colapso inicial do túnel, a 10 de Setembro, mas durante as operações de salvamento terá ocorrido um segundo colapso, fazendo com o número total de vítimas possa ter ultrapassado as duas centenas.

A notícia foi avançada esta terça-feira pela estação televisiva japonesa TV Asahi, que cita uma fonte não identificada.

Há relatos de que diversos abalos e deslizamentos de terras terão ocorrido nas proximidades das instalações nucleares da Coreia do Norte após a sexta explosão de teste levada a cabo a 3 de Setembro.

A explosão terá provocado uma desestabilização da região, que poderá por isso deixar de ser utilizada para testes futuros.

Pin It on Pinterest