Nas bancas a edição 1033 do Tribuna da Madeira

CMF poupa meio milhão

O município do Funchal vai poupar cerca de 500 mil euros com o novo contrato de aluguer operacional de viaturas. Miguel Silva Gouveia diz que é mais uma prova para “validação do modelo de contratação da autarquia, que privilegia os concursos públicos e a transparência”.

A decisão está nas urnas

As Eleições Regionais são no domingo e todos os 17 partidos candidatos procuram obter o voto dos madeirenses e porto-santenses. Ao longo das últimas semanas, o «Tribuna da Madeira» fez uma ‘ronda’ pelas diferentes formações políticas que concorrem a um lugar na Assembleia Legislativa e procurou saber o que defendem perante os eleitores. Agora é nas urnas que haverá decisão sobre quem vai liderar os destinos da Região Autónoma na próxima legislatura.

Mourato Nunes não se demite

O presidente da Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil (ANEPC), Mourato Nunes, foi na quarta-feira constituído arguido no âmbito da investigação aos contratos associados ao programa Aldeia Segura e ao sistema de alerta por SMS, mas não se demite. Em causa estão valores na ordem dos 1,8 milhões de euros.

Cerdas ‘pede’ mais investimento

Sara Cerdas não tem dúvidas que o investimento atual da União Europeia é insuficiente para atingir os objetivos que foram propostos na luta contra o cancro. A eurodeputada disse-o no plenário do Parlamento Europeu, realizado esta quarta-feira, em Estrasburgo. O cancro é actualmente, na Europa, a segunda causa de morte.

Ronaldo quer superar Messi

Cristiano Ronaldo tem de ir “ainda mais além” na obtenção de prémios individuais para se destacar definitivamente de Lionel Messi, avançado argentino com quem tem dividido protagonismo no futebol mundial ao longo da última década.

Liceu ‘ganha’ novo piso

O campo do Liceu ganhou uma nova imagem, apresentando um novo relvado sintético de terceira geração, conforme salientou o Presidente do Governo Regional da Madeira na visita efetuada, nesta quarta-feira, às obras, agora concluídas.

Diversificação… mas “não a qualquer custo!”

O mar pode ser o novo motor económico da Região, mas sem colocar em causa os interesses das pessoas, ter estruturas que afetem o ecossistema marinho e colidir com o turismo, a principal área de atividade da Madeira. A convicção é de Paulo Cafôfo. Em causa está a aquacultura.

Continente vendeu mais de 80 mil garrafas

As lojas Continente instaladas na Madeira venderam, em 2018, mais de 80.000 garrafas de vinho, licores e runs agrícolas produzidos na Região Autónoma. A marca comercializa cerca de 150 referências de vinhos, licores e runs agrícolas produzidos na ilha, divulgou a empresa na segunda-feira, no encerramento do Mercado Regional de Vinhos realizado no Madeira Shopping.

Mobilidade é “aposta de futuro”

“Cidades Sustentáveis: A Importância da Mobilidade na Requalificação Urbana e Coesão Territorial” foi o tema abordado na conferência para assinalar a Semana da Mobilidade do Funchal 2019. Miguel Silva Gouveia afirma que “o objetivo do Funchal é, acima de tudo, tornar a nossa cidade mais aprazível, com melhor qualidade de vida, e inclusiva”.

Marca de Água Dança com a Diferença

Depois de ter acolhido até ao passado dia 12 de Setembro a exposição “opapeldasárvores” da autoria de Paulo Sérgio BEJu, a Galeria Marca de Água prossegue com a sua programação revelando uma agenda cheia de iniciativas e atividades para o próximo trimestre, e revela assim as primeiras novidades para a nova temporada artística 2019/2020, com a Direção Artística a cargo da Historiadora de Arte, Raquel Fraga.

Projeto Educativo é “único” na Região

O Projeto Educativo Municipal para o ano letivo 2019/2020 vai ter agendamento anual de atividades infantojuvenis.

Diagnóstico pode demorar 24 meses

Falta de ar, tosse seca e persistente e menor resistência física. Estes podem ser sintomas de muitas doenças, mas entre elas encontra-se a Fibrose Pulmonar Idiopática, uma doença rara, que afeta gravemente e de forma progressiva os pulmões, danificando-os através de um processo de cicatrização aberrante, designado fibrose, que os torna mais rígidos. A troca de ar nos pulmões fica, assim, comprometida e, consequentemente, a respiração deixa de ser normal. Por isso, setembro, mês de sensibilização para a Fibrose Pulmonar Idiopática, é o momento ideal para alertar a população para esta doença, que afeta pessoas acima dos cinquenta anos, com maior incidência entre os sessenta e os setenta anos.

Adquira o Semanário Tribuna da Madeira em formato (PDF). Informação independente por apenas 2 €. assinaturas@tribunadamadeira.pt ou na loja online

Pin It on Pinterest