Presidente das Filipinas alimenta polémica sobre homicídios

O presidente das Filipinas ameaçou atirar os dirigentes corruptos para fora de um helicóptero em voo. Rodrigo Duterte disse que já o fez e voltará a fazer.

“Se és corrupto, vou buscar-te com um helicóptero de Manila e atiro-te para fora. Já o fiz, porque não voltaria a fazer?”, disse o chefe de Estado enquanto discursava perante as vítimas do tufão que atingiu as Filipinas durante o Natal.

Duterte admitiu há poucas semanas ter cometido homicídios durante os 22 anos em que foi presidente da autarquia da cidade de Davao, justificando-as como parte de operações policiais legítimas. Entretanto, foi avisado pelos senadores das Filipinas que poderia ser destituído devido a este tipo de afirmações.

Na semana passada, o presidente das Filipinas chamou idiota ao alto-comissário da ONU para os Direitos Humanos que pediu a abertura de uma investigação pelos homicídios que o próprio disse ter cometido.

Pin It on Pinterest